Ferrovial vende o seu negócio de Meio Ambiente em Espanha e Portugal à PreZero (Grupo Schwarz) por 1.133 milhões de euros

A operação aprofunda a estratégia da Ferrovial focada no desenvolvimento, construção e gestão de infraestruturas sustentáveis. O fecho da transação está pendente das condições usuais e autorizações regulatórias. O restante da divisão de serviços continua disponível para venda.
Ferrovial vende o seu negócio de Meio Ambiente em Espanha e Portugal à PreZero (Grupo Schwarz) por 1.133 milhões de euros
2021-07-27
-
A Ferrovial chegou a um acordo para a venda do seu negócio de Meio Ambiente em Espanha e Portugal à PreZero, empresa do Grupo Schwarz, operação que se realiza no âmbito do processo de desinvestimento da Ferrovial Servicios. A transação, que inclui a transferência dos negócios de meio ambiente e recolha, tratamento e reciclagem de resíduos, atinge um entreprise value de 1.133 milhões de euros, que inclui capital e dívida. A venda irá gerar uma mais-valia de cerca de 317 milhões de euros, assumindo um valor patrimonial de 950 milhões de euros no momento da assinatura, que poderá variar ligeiramente devido a ajustes contabilísticos entre a assinatura e o fecho da operação.

O fecho definitivo da transação está pendente das condições usuais e autorizações regulatórias por parte das autoridades europeias e está previsto para ocorrer no segundo semestre de 2021.

A área de Meio Ambiente da Ferrovial registou vendas anuais de 1.018 milhões de euros em 2020, um EBITDA de 130 milhões de euros (incluindo dividendos) e uma carteira de 2.177 milhões de euros no final do ano. A empresa conta com uma equipa de 16.000 funcionários. Oferece serviços essenciais de tratamento e reciclagem para clientes públicos e privados, graças à gestão de 140 plantas, onde processa 5,6 milhões de toneladas de resíduos por ano. Além disso, realiza limpeza urbana, recolha seletiva e manutenção de espaços verdes em mais de 600 municípios em toda a Espanha para mais de 15 milhões de cidadãos.

A PreZero, pertencente ao Grupo Schwarz, é um fornecedor internacional de serviços ambientais, com cerca de 13.000 funcionários e cerca de 280 localidades na Europa e América do Norte.

"Esta operação representa um avanço no plano estratégico da Ferrovial, focado no desenvolvimento de infraestruturas sustentáveis. Novas tecnologias, mudanças de hábitos dos cidadãos e preferências sociais tornam necessário este enfoque para continuar a criar valor para os nossos acionistas, os grupos de interesse e das áreas onde atuamos. Estamos satisfeitos por deixar o nosso negócio de Serviços Ambientais em Espanha e Portugal nas mãos da PreZero, uma empresa internacional de gestão de resíduos com os mais elevados padrões ESG”, afirma Ignacio Madridejos, CEO da Ferrovial.

"A aquisição prevista é o próximo passo na expansão da PreZero, com ela queremos estender as nossas atividades no sul da Europa. A Ferrovial é uma empresa excelentemente bem posicionada na área de gestão ambiental e complementa de forma ideal o portfólio da PreZero. Neste processo, antecipamos sinergias valiosas e um ponto de partida adicional para um maior desenvolvimento da economia circular na Europa”, explicou Thomas Kyriakis, CEO da PreZero.

Nova direção estratégica
A Ferrovial procedeu a uma revisão estratégica de todos os negócios, com o objetivo de focar o futuro da empresa nas infraestruturas, primeira fonte de valor e rentabilidade para os seus acionistas. Como resultado dessa decisão, classificou todas as suas operações de Serviços como "disponíveis para venda”.

Na mesma linha, a empresa adotou o Plano Horizon 24, uma estratégia para o período 2020-2024 que coloca o foco prioritário da Ferrovial na promoção, construção e gestão de infraestruturas, juntamente com negócios de mobilidade, água e eletricidade. O plano visa uma rentabilidade baseada nos crescimentos anuais de 11% do EBITDA com foco determinado na excelência, sustentabilidade, inovação, eficiência e na seleção de negócios e mercados.

A venda do negócio de Ambiente em Espanha e Portugal constitui um novo passo no processo de desinvestimento da Ferrovial Servicios, na sequência da venda da Broadspectrum, com operações na Austrália e Nova Zelândia, a 20 de junho de 2020. O desinvestimento no restante dos negócios da Ferrovial Servicios continua a sua trajetória no Reino Unido, Espanha, Chile e Estados Unidos, principais mercados onde a empresa atua neste negócio.

Descarregue aqui a Nota de Imprensa.